Specification Pattern: O que é, para que serve e quando adotar

Bem-vindo a uma discussão aprofundada sobre o padrão Specification, uma ferramenta valiosa no arsenal do Domain-Driven Design (DDD). Este padrão tático tem como objetivo melhorar a estrutura e a expressão do código em situações complexas de negócios.

O que é Domain-Driven Design (DDD)?

DDD é uma abordagem de design de software que coloca o domínio do problema e a lógica do negócio no centro do projeto. O objetivo é criar um software que reflete o modelo mental dos especialistas do domínio.

Padrões Táticos de DDD

Os padrões táticos de DDD são técnicas de codificação que ajudam a implementar o modelo de domínio no código de maneira mais efetiva. Eles incluem entidades, objetos de valor, agregados, repositórios e especificações.

O que é o padrão Specification?

O padrão Specification é um padrão tático que permite encapsular regras de negócios complexas em uma única classe. Ele é usado para determinar se uma entidade cumpre um conjunto específico de condições.

Para que serve o padrão Specification?

O padrão Specification serve para externalizar regras de negócios que determinam a adequação do estado de uma entidade. Ele é útil em contextos onde diferentes operações demandam conjuntos diferentes de pré-condições.

Benefícios do padrão Specification

O padrão Specification torna o código mais legível e manutenível, já que as regras de negócios são encapsuladas em um único local. Ele também promove a reutilização de código e a separação de responsabilidades.

Como funciona o padrão Specification?

A classe Specification define um método booleano que verifica se uma entidade cumpre uma condição específica. Este método pode ser chamado em diferentes partes do código.

Quando adotar o padrão Specification?

O padrão Specification deve ser adotado quando as regras de negócios são complexas e variam entre diferentes operações. Ele é particularmente útil quando as condições de negócio precisam ser verificadas em diferentes partes do código.

Exemplo prático do uso do padrão Specification

Suponha que temos uma loja online e queremos verificar se um cliente pode fazer um pedido. As condições podem incluir verificar se o cliente tem um endereço válido, se o item está em estoque e se o cliente tem crédito suficiente. Em vez de escrever estas verificações em várias partes do código, podemos criar uma classe Specification que encapsula estas regras.

Exemplo de implementação em C#

C#
// Definindo a interface Specification que todas as especificações devem seguir
public interface ISpecification<T>
{
    bool IsSatisfiedBy(T entity);
}

// Criando uma classe Specification para verificar se um número é par
public class IsEvenSpecification : ISpecification<int>
{
    public bool IsSatisfiedBy(int number)
    {
        return number % 2 == 0;
    }
}

// Exemplo de uso do padrão Specification
public class Program
{
    public static void Main()
    {
        // Criando uma instância da classe Specification para verificar se um número é par
        var isEvenSpec = new IsEvenSpecification();

        // Verificando se um número é par utilizando a classe Specification criada
        int numberToCheck = 4;
        if (isEvenSpec.IsSatisfiedBy(numberToCheck))
        {
            Console.WriteLine($"{numberToCheck} é um número par");
        }
        else
        {
            Console.WriteLine($"{numberToCheck} não é um número par");
        }
    }
}

// Fonte: ChatGPT

Nesse exemplo, criamos uma interface ISpecification que define um método IsSatisfiedBy que deve ser implementado por todas as classes que seguem o padrão Specification. Em seguida, criamos uma classe IsEvenSpecification que implementa essa interface e verifica se um número é par ou não.

Por fim, no método Main do programa, criamos uma instância da classe IsEvenSpecification e a utilizamos para verificar se um número é par. Se a especificação é satisfeita, o programa imprime que o número é par; caso contrário, imprime que o número não é par.

Exemplo de implementação em Java

Java
// Definindo a interface Specification que todas as especificações devem seguir
public interface Specification<T> {
    boolean isSatisfiedBy(T entity);
}

// Criando uma classe Specification para verificar se um número é par
public class IsEvenSpecification implements Specification<Integer> {
    public boolean isSatisfiedBy(Integer number) {
        return number % 2 == 0;
    }
}

// Exemplo de uso do padrão Specification
public class Program {
    public static void main(String[] args) {
        // Criando uma instância da classe Specification para verificar se um número é par
        Specification<Integer> isEvenSpec = new IsEvenSpecification();

        // Verificando se um número é par utilizando a classe Specification criada
        int numberToCheck = 4;
        if (isEvenSpec.isSatisfiedBy(numberToCheck)) {
            System.out.println(numberToCheck + " é um número par");
        } else {
            System.out.println(numberToCheck + " não é um número par");
        }
    }
}

// Fonte: ChatGPT

Nesse exemplo, criamos uma interface Specification que define um método isSatisfiedBy que deve ser implementado por todas as classes que seguem o padrão Specification. Em seguida, criamos uma classe IsEvenSpecification que implementa essa interface e verifica se um número é par ou não.

Por fim, no método main da classe Program, criamos uma instância da classe IsEvenSpecification e a utilizamos para verificar se um número é par. Se a especificação é satisfeita, o programa imprime que o número é par; caso contrário, imprime que o número não é par.

Exemplo de implementação em Python

Python
# Definindo a interface Specification que todas as especificações devem seguir
class Specification:
    def is_satisfied_by(self, entity):
        pass

# Criando uma classe Specification para verificar se um número é par
class IsEvenSpecification(Specification):
    def is_satisfied_by(self, number):
        return number % 2 == 0

# Exemplo de uso do padrão Specification
if __name__ == '__main__':
    # Criando uma instância da classe Specification para verificar se um número é par
    is_even_spec = IsEvenSpecification()

    # Verificando se um número é par utilizando a classe Specification criada
    number_to_check = 4
    if is_even_spec.is_satisfied_by(number_to_check):
        print(f"{number_to_check} é um número par")
    else:
        print(f"{number_to_check} não é um número par")

#Fonte: ChatGPT

Nesse exemplo, criamos uma classe Specification que define um método is_satisfied_by que deve ser implementado por todas as classes que seguem o padrão Specification. Em seguida, criamos uma classe IsEvenSpecification que herda essa classe e verifica se um número é par ou não.

Por fim, no bloco if name == ‘main: do programa, criamos uma instância da classe IsEvenSpecification e a utilizamos para verificar se um número é par. Se a especificação é satisfeita, o programa imprime que o número é par; caso contrário, imprime que o número não é par.

Cuidados ao implementar o padrão Specification

É importante lembrar que o padrão Specification deve ser usado para encapsular regras de negócios complexas e que variam entre diferentes operações. Ele não deve ser usado para substituir a lógica de negócios simples ou regras de validação que são melhor localizadas dentro da própria entidade.

Integração do padrão Specification em um contexto de negócios

No mundo dos negócios, o padrão Specification pode ser uma ferramenta poderosa. Ele permite que a lógica de negócios seja definida em um único local, tornando mais fácil para as equipes entenderem e implementarem as regras de negócios.

Como o padrão Specification auxilia na transformação digital?

No processo de transformação digital, a implementação de padrões de projeto eficazes, como o padrão Specification, pode ser um diferencial. Ao encapsular a lógica de negócios em classes específicas, podemos criar um código mais limpo e mais fácil de manter, que, por sua vez, facilita a implementação de novas tecnologias e processos.

O padrão Specification e a inovação de produtos e serviços

Ao adotar padrões de projeto como o padrão Specification, as empresas podem inovar mais rapidamente. Ao simplificar a lógica de negócios, as equipes podem focar em criar novos recursos e melhorar os serviços existentes, em vez de gastar tempo tentando entender e manter código complexo

Como o padrão Specification melhora a expressão do domínio no código

Através do padrão Specification, é possível expressar de maneira mais clara e direta as adequações de estado de entidades no código. Isso é fundamental para manter a linguagem onipresente e alinhada à linguagem do domínio descoberta junto aos especialistas, facilitando a compreensão e a manutenção do código por todos os envolvidos.

Conclusão

O padrão Specification é um poderoso aliado no design de software orientado ao domínio. Ele permite encapsular regras de negócios complexas em uma única classe, tornando o código mais legível e manutenível. Mas, como qualquer ferramenta, deve ser usada com cuidado e entendimento de seu propósito e benefícios.

Esse conteúdo é parte do material disponibilizado para os participantes do meu grupo de estudos de DDD do Jeito Certo. Você quer participar desse grupo? Clique aqui e veja como funciona.

Dúvidas Frequentes

O que é o padrão Specification?
O padrão Specification é um padrão tático do DDD que encapsula regras de negócios em uma única classe.

Quando devo usar o padrão Specification?
Você deve usar o padrão Specification quando tiver regras de negócios complexas que variam entre diferentes operações.

O padrão Specification substitui a lógica de negócios ou regras de validação?
Não, o padrão Specification não deve ser usado para substituir a lógica de negócios simples ou regras de validação.

Como o padrão Specification auxilia na transformação digital?
O padrão Specification facilita a implementação de novas tecnologias e processos, tornando o código mais limpo e mais fácil de manter.

O padrão Specification é benéfico para a inovação de produtos e serviços?
Sim, ao simplificar a lógica de negócios, as equipes podem se concentrar em criar novos recursos e melhorar os serviços existentes, impulsionando assim a inovação.

Quer se aprofundar neste tema?

Então participe do grupo de estudos de DDD do Jeito Certo.

Destaque-se desenvolvendo soluções boas de verdade atacando a complexidade no coração do software.

Participe do
grupo intensivo de

DDD do Jeito Certo

com

Destaque-se desenvolvendo soluções boas de verdade atacando a complexidade no coração do software.

Participe do
grupo intensivo de

DDD do Jeito Certo

com

Destaque-se desenvolvendo soluções boas de verdade atacando a complexidade no coração do software.

Veja outros artigos relacionados

Como o Domain-Driven Design Ajuda a Melhorar a Resiliência Organizacional

Mergulhar no universo do Domain-Driven Design (DDD) é abrir um leque de oportunidades para fortalecer a robustez e a capacidade...

Como o Domain-Driven Design Ajuda no Desenvolvimento de Sistemas Transacionais

A utilização do Domain-Driven Design (DDD) oferece uma abordagem estruturada e focada para o desenvolvimento de software, especialmente para sistemas...

Tornando Mais Fácil o que é Feito Todos os Dias

Quando ouvimos falar em Domain-Driven Design (DDD), frequentemente imaginamos um conjunto de práticas complexas aplicadas apenas em grandes sistemas. Entretanto,...

Mentoria em
Arquitetura de Software

Práticas, padrões & técnicas para Arquitetura de Software, de maneira efetiva, com base em cenários reais para profissionais envolvidos no projeto e implantação de software.

Crie sua conta

Preencha os dados a seguir para iniciar o seu cadastro no Grupo Intensivo de Estudos de DDD do Jeito Certo:

Crie sua conta

Preencha os dados a seguir para iniciar o seu cadastro no Grupo Intensivo de Estudos de Padrões de Projeto:

Crie sua conta

Preencha os dados a seguir para iniciar o seu cadastro no Grupo Intensivo de Estudos de DDD do Jeito Certo:

Crie sua conta

Preencha os dados a seguir para iniciar o seu cadastro no curso de Specification Pattern: O que é, para que serve e quando adotar:

Crie sua conta

Preencha os dados a seguir para iniciar o seu cadastro no Grupo Intensivo de Estudos de Reputação e Marketing Pessoal:

Specification Pattern: O que é, para que serve e quando adotar

Crie sua conta

Preencha os dados a seguir para iniciar o seu cadastro no curso de Specification Pattern: O que é, para que serve e quando adotar:

Crie sua conta

Preencha os dados a seguir para iniciar o seu cadastro no curso de Specification Pattern: O que é, para que serve e quando adotar:

Mentoria em Arquitetura de Software

Ênfase em Systems Design

Para se candidatar nesta turma aberta, preencha o formulário a seguir:

Reproduzir vídeo

Crie sua conta

Preencha os dados a seguir para iniciar o seu cadastro no Grupo Intensivo de Estudos de Algoritmos e Estruturas de Dados:

Crie sua conta

Preencha os dados a seguir para iniciar o seu cadastro no Grupo Intensivo de Estudos de Algoritmos e Estruturas de Dados:

Crie sua conta

Preencha os dados a seguir para iniciar o seu cadastro no Grupo Intensivo de Estudos de DDD do Jeito Certo:

Crie sua conta

Preencha os dados a seguir para iniciar o seu cadastro no Grupo Intensivo de Estudos de Padrões de Projeto:

Crie sua conta

Preencha os dados a seguir para iniciar o seu cadastro no Grupo Intensivo de Estudos de DDD do Jeito Certo:

Crie sua conta

Preencha os dados a seguir para iniciar o seu cadastro no Grupo Intensivo de Estudos de Padrões de Projeto:

Crie sua conta

Preencha os dados a seguir para iniciar o seu cadastro no Grupo Intensivo de Estudos de Reputação e Marketing Pessoal:

Crie sua conta

Preencha os dados a seguir para iniciar o seu cadastro no Grupo Intensivo de Estudos de Reputação e Marketing Pessoal:

Crie sua conta

Preencha os dados a seguir para iniciar o seu cadastro no Programa ElemarJR de Aceleração, Do Jeito Certo:

Crie sua conta

Preencha os dados a seguir para iniciar o seu cadastro no Programa ElemarJR de Aceleração, Do Jeito Certo:

Crie sua conta

Preencha os dados a seguir para iniciar o seu cadastro no Grupo Intensivo de Estudos de Algoritmos e Estruturas de Dados:

Crie sua conta

Preencha os dados a seguir para iniciar o seu cadastro no Grupo Intensivo de Estudos de Algoritmos e Estruturas de Dados:

Crie sua conta

Preencha os dados a seguir para iniciar o seu cadastro no Grupo Intensivo de Estudos de Padrões de Projeto:

Crie sua conta

Preencha os dados a seguir para iniciar o seu cadastro no Grupo Intensivo de Estudos de Padrões de Projeto:

Crie sua conta

Preencha os dados a seguir para iniciar o seu cadastro no Grupo Intensivo de Estudos de Reputação e Marketing Pessoal:

Crie sua conta

Preencha os dados a seguir para iniciar o seu cadastro no Grupo Intensivo de Estudos de Reputação e Marketing Pessoal:

Crie sua conta

Preencha os dados a seguir para iniciar o seu cadastro no Grupo Intensivo de Estudos de Algoritmos e Estruturas de Dados:

× Precisa de ajuda?